Igreja Universal – Cabo Verde

LOGO

Filhos seguem exemplo das mães no amor

class=”fusion-imageframe imageframe-none imageframe-1″>

Fonte de Imagem: life.dn.pt

De acordo com um estudo publicado recentemente na revista PlosOne, os filhos cujas mães tiveram vários parceiros tendem a replicar o mesmo comportamento. Tendência esta que se encontra relacionada com os traços de personalidade que são transmitidos à geração seguinte, pois estas progenitoras teriam mais dificuldades em lidar com o conflito e apresentariam poucas competências relacionais.

“As relações são aprendidas, a vivência da instabilidade e os comportamentos que a ela conduz também, e a mãe continua a ser um modelo muito importante para os filhos, mesmo nesta nossa sociedade em transformação”, explicou a psicóloga Catarina Mexia, salientando como a herança familiar é relevante no que diz respeito também às relações amorosas.

A especialista sublinhou ainda que os momentos de tensão e mal-estar, vividos frequentemente nas relações mais complicadas, são transmitidos com facilidade às crianças, sendo que, posteriormente, tudo isso também se refletirá nas suas próprias relações.

Foi este o caso de Divanice Rocha que cresceu num ambiente de instabilidade familiar, pois, após a separação dos pais, a sua mãe começou outro relacionamento onde existiam muitas brigas. Facto que cooperou para que a jovem crescesse insegura e, tal como num filme, a sua vida amorosa parecia copiar o enredo vivido pela mãe, pois também ela não conseguia ser feliz no amor.

Ainda na adolescência, passou pela primeira deceção amorosa. Passado algum tempo, tentou um novo relacionamento, mas, como continuava ligada às lembranças do passado, este acabou. Envolveu-se, depois, com uma pessoa mais velha e a relação acabou por se resumir à falta de confiança e de comunicação, que para além das incompatibilidades causaram o fim. Foi, nesse momento, que Divanice decidiu ficar sozinha e empregou a sua força nos estudos. Mas faltava-lhe algo e sofria com a solidão. Foi, então, que recebeu um convite para participar numa palestra da Terapia do Amor na Universal, onde aprendeu que precisava tratar o interior para se livrar do peso das desilusões amorosas e que o drama vivido pela sua mãe não tinha de se repetir na sua vida.

Entretanto, convidou um amigo da faculdade para participar nas palestras, o militar Mauro, que devido ao seu trabalho viajava com frequência e que, por isso, via os seus relacionamentos serem sempre curtos e sem compromisso.

Juntos passaram a frequentar as palestras, onde Divanice se viu livre dos complexos e inseguranças e Mauro aprendeu que a vida amorosa tinha de ser levada a sério. Com o tempo, Mauro viu aumentar o carinho que sentia por Divanice e pediu-a em namoro. Namorando e frequentando as palestras, o casal aprendeu a construir o amor inteligente e o resultado foi o noivado e o casamento. “Na Terapia do Amor, namorámos, noivámos e casámos, lá aprendemos a estruturar o nosso relacionamento, mas, principalmente, recebemos a bênção de Deus”, conclui feliz Divanice.

Conheça a Universal mais perto de si.

Fonte: life.dn.pt

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*